Veja tudo o que aconteceu durante a última madrugada na Olimpíada de Tóquio

No início da madrugada desta quinta-feira (29), na natação da Olimpíada de Tóquio, o norte-americano Caeleb Dressel conquistou o ouro com o tempo de 47.02, recorde olímpico nos 100 metros livres. Outro estadunidense foi assunto um pouco depois. O bicampeão mundial Sam Kendricks, que era favorito à medalha no salto com vara, teve que desistir dos Jogos Olímpicos após testar positivo para a Covid-19.

Um pouco mais tarde, Luka Doncic liderou a vitória da Eslovênia por 116 a 81 sobre o Japão no basquete masculino. O craque do Dallas Mavericks comandou a segunda vitória do time nos Jogos Olímpicos. Partindo para o handebol feminino, o Brasil parou na goleira da Espanha e perdeu pela primeira vez no torneio.

Leia mais: Simone Biles agradece apoio após desistência da final olímpica: “sou mais do que minhas realizações”

Após cair diante da campeã mundialMayra Aguiar disputou a repescagem na categoria até 78kg do judô conquistou o bronze, sua terceira medalha olímpica. Outra brasileira que fez história foi Ana Sátila, que fez o terceiro melhor tempo na Canoagem Slalom e se classificou para a final, sendo a primeira atleta brasileira a conquistar a vaga na modalidade. Na final, ela levou uma penalização e ficou sem medalha.

CULTURA